Ocupação da UnB tem música, aula, doações e até paquera

“Tem uns gatinhos da antropologia aqui, ainda bem”, alivia-se Bruna Paixão, 19 anos. (…) Na avaliação da aluna Bárbara Ribeiro, 20, a repercussão do movimento superou as expectativas. “Não esperava que fosse durar tanto”, admite ela. A paquera no local, diz Bárbara, não é tão forte assim. “As meninas não chegam [nos meninos] porque eles estão fedidos, sem tomar banho há um bom tempo. Mas admiramos todos eles”, ressalta ela.”

demais a globo tentando ser irônica… pra completar, no começo da reportagem:

“Qualquer ocupação que se preze tem batucada, gritos exaltados em alto-falantes, cartazes com denúncias e, eventualmente, críticas contra a tal “imprensa burguesa”.”

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em araticum

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s