Arquivo do mês: abril 2008

parece que dei azar… nem a cat power, nem a kimya dawson, nem o MEN (Jo e JD, do le tigre) vão tocar em ny em maio. e parece que todas vão estar na europa, olha só. o le tigre e a fiona apple estão de férias. alguém tem alguma sugestão pra eu procurar assistir por lá?

Anúncios

5 Comentários

Arquivado em araticum

Ocupação da UnB tem música, aula, doações e até paquera

“Tem uns gatinhos da antropologia aqui, ainda bem”, alivia-se Bruna Paixão, 19 anos. (…) Na avaliação da aluna Bárbara Ribeiro, 20, a repercussão do movimento superou as expectativas. “Não esperava que fosse durar tanto”, admite ela. A paquera no local, diz Bárbara, não é tão forte assim. “As meninas não chegam [nos meninos] porque eles estão fedidos, sem tomar banho há um bom tempo. Mas admiramos todos eles”, ressalta ela.”

demais a globo tentando ser irônica… pra completar, no começo da reportagem:

“Qualquer ocupação que se preze tem batucada, gritos exaltados em alto-falantes, cartazes com denúncias e, eventualmente, críticas contra a tal “imprensa burguesa”.”

Deixe um comentário

Arquivado em araticum

Nova ocupação

“O magnífico reitor da Universidade de Brasília (UnB), Timothy Mulholland, acaba de ocupar a sede do Diretório Central dos Estudantes (DCE), próxima à entrada (pra quem vem de fora) da área de convivência norte (Ceubinho) do Instituto Central de Ciências (ICC – Minhocão). (…)

A sala está cercada por integrantes do movimento estudantil que tentam chegar a um acordo com o reitor, mas sua postura é impassível. Só sairá quando o DCE espalhar cartazes por toda a universidade pedindo desculpas e elogiando a sua administração. Também pede o afastamento de todos os estudantes que agrediram a sua moral, ainda que não tenha provas contra todos eles.”

hehehe… leia tudo aqui

2 Comentários

Arquivado em araticum

Pé grande

adoro ler umas notícias assim: “Supostas fotos de Pé Grande são investigadas” e “Perito diz ter provas da existência do Pé Grande“.

mas eu pirei mesmo quando vi que existe a AIBR – The Alliance of Independent Bigfoot Researchers. fico triste em pensar que não tem isso aqui no brasil, é total um emprego que eu ia gostar. se bem que eu já ouvi falar de uma associação que procurava saci-pererê.. será que eles contratam gente?

último comentário, a gente tem um equivalente do pé-grande aqui na amazônia, chamado mapinguari!

3 Comentários

Arquivado em araticum

[…]

o post aí embaixo me lembrou isso:

… a fala se compõe toda de silêncios. Um ser que não fosse capaz de renunciar a dizer muitas coisas, seria incapaz de falar. E cada língua é uma equação diferente entre manifestações e silêncios. Cada povo cala algumas coisas para poder dizer outras. Porque tudo seria indizível. Daí a enorme dificuldade da tradução: nela, se trata de dizer em um idioma precisamente o que este idioma tende a silenciar.

sabe o que dizem por aí: quem cita fonte é água mineral.

1 comentário

Arquivado em araticum

continuando as citações…

às vezes a antropologia também pode ser divertida, quando lemos textos como esse:

“um exemplo digno de nota, uma citação de seu colega, o explorador capitão Sturt que, além de encontrar um grupo de aborígenes engajados na coleta de grandes quantidades de ‘goma mimosa’, deduziu que ‘as desgraçadas criaturas estavam sendo reduzidas à miséria; sendo incapazes de procurar qualquer outro alimento, eram obrigadas a aquela mucilaginosa.”

a goma mimosa era, na verdade, a comida preferida daquela galera. o capitão Sturt que não sabia de nada, pobre criatura…! E dessa vez não vou dizer o autor e vocês não vão adivinhar! 

1 comentário

Arquivado em araticum